Tecnologia móvel para monitoria de serviços de água

Contexto

Apenas um terço dos 6,5 milhões da população de Luanda tem acesso a um serviço adequado de água. Os outros dois terços dependem de tanques de água, em especial nas áreas suburbanas, assim como de 1400 torneiras públicas da cidade.
Embora as torneiras devam funcionar 12 horas por dia, o abastecimento de água da Empresa Pública de Água (EPAL) é, com frequência, pouco fiável. Os utilizadores têm que comprar água a fornecedores ocasionais, a preços muito mais elevados, correndo ainda o risco de a água estar contaminada. Isto afecta imenso a produtividade e a saúde pública, obrigando a uma sobrecarga diária de tempo perdido, procurando água, especialmente na franja social das mulheres e raparigas.

A VerÁgua (SeeWater) é um sistema de monitoria que envia informações em tempo real sobre avarias e torneiras em serviço através de telefones móveis. A tecnologia de monitoria de comunicação móvel VerÁgua foi testada no Huambo em 2014, e a Direcção Nacional de Águas está interessada em implantá-la em todo o país.

Cada torneira é atribuída a um gestor que é responsável pela recolha de somente 25 litros por recipiente de água e está equipado com um telefone móvel. O gestor relata os problemas da torneira escolhendo o respectivo código no telefone. A informação é recolhida numa base de dados central e comunicados imediatamente à EPAL, permitindo uma resposta mais rápida para reparações e fluxos de água. Um aplicativo mostra aos utilizadores quais as torneiras que estão a funcionar nas redondezas.

O projecto está localizado em Cazenga, Cacuaco, Viana, Icolo e municípios de Bengo e distrito de Sambizanga, na capital de Luanda. Tem como alvo 170.000 pessoas, a EPAL e as administrações municipais.

About

Baixar
Iniciando
Março de 2015
Final
Março de 2017
Áreas principais
Desenvolvimento Local
Províncias
Luanda
Parceiros Development Workshop.